Recital celebra o romantismo no Teatro da Instalação

Sob coordenação do professor Juremir Vieira, o espetáculo acontece nesta terça-feira (30), a partir das 19h.

Apressada, a Classe de Canto do professor Juremir Vieira não esperou o Dia dos Namorados para celebrar o romantismo. O grupo se apresenta nesta terça-feira (30), às 19h, no Teatro da Instalação, com um recital que relembra canções de óperas inspiradas no amor. O concerto faz parte da programação do XX Festival Amazonas de Ópera (FAO), com patrocínio máster do Bradesco Prime e patrocínio da Ambev. A entrada é gratuita, com classificação indicativa livre.

O repertório do espetáculo mistura vários estilos musicais, de acordo com Juremir Vieira. Canções de óperas alemãs, italianas e francesas, do final do século XVIII ao século XIX, serão apresentadas em forma de árias, duetos, trios e coral completo, com acompanhamento do pianista Pedro Panilha.

“Estamos ensaiando muito, para que tudo possa estar tinindo até o dia da apresentação. Sou conhecido como o professor chato e exigente”, brincou ele, que leciona Canto para o Coral do Amazonas e o Grupo Vocal do Coral do Amazonas. O professor e os solistas ainda dialogam com a plateia nos intervalos entre as obras. “A ideia é conversar com o público, explicar o que acontece em cada peça”.

O programa do recital inclui, entre outras, as árias “Non più andrai”, da ópera “As bodas de Fígaro”, e “Oh, Isis und Osiris”, da “Flauta mágica”, ambas de W.A. Mozart; “Erlkönig (O Rei Elfo)”, de Franz Schubert; “Vissi d’arte” e “E lucevan le stelle”, árias de “Tosca”, de Giacomo Puccini; e o dueto “Là ci darem la mano”, de “Don Giovanni”, de Mozart. Peças de Giuseppe Verdi e Jules Massenet, entre outros compositores, completam o repertório.

Na apresentação, o coral contará ainda com o reforço de alguns músicos da Orquestra de Violões do Amazonas, que fazem parte do grupo como alunos do Canto do professor Juremir Vieira. Além de dirigir a classe de Canto, o professor e preparador vocal também fará solos de algumas canções junto ao grupo, como parte das surpresas preparadas para o concerto.

Experiência
Há mais de 30 anos dedicando-se à música, o professor Juremir Vieira é também um veterano do FAO. Ele participou da estreia do Festival, em 1996, como convidado, e relembra: “No começo viam-se muito mais estrangeiros no Festival”.

Depois disso, o professor retornou em 2011 para uma série frenética, que se estende até o FAO deste ano. “É maravilhoso ver que, depois de 20 anos, formou-se um público local! Além dos inúmeros artistas amazonenses que participam em peso. Com isso foi que o Festival cresceu, tornou-se conhecido no mundo inteiro, atraindo os turistas que, agora, vêm de caravana”, contou.

“Infelizmente, nesse Festival, eu só dirijo essa apresentação, porque, se dependesse de mim, faria muito mais!”, concluiu o músico, rindo.


Serviço: Recital – Classe de Canto do Professor Juremir Vieira
Data/hora: Terça-feira, 30 de maio de 2017, às 19h
Local: Teatro da Instalação, rua Frei José dos Inocentes, S/Nº, Centro
Entrada: Gratuita
Classificação indicativa: Livre